terça-feira, 27 de novembro de 2012

Antidiabético ‘inteligente’ Trayenta completa um ano no mercado brasileiro


Aprovado pela Anvisa no ano passado, Trayenta (linagliptina), fruto da aliança Boehringer Ingelheim e a Eli Lilly, é a última geração dos inibidores da DPP-4 (enzima dipeptidil peptidase 4) para o tratamento do diabetes tipo 2 e já se tornou uma das principais marcas no mercado. O medicamento foi estudado em várias partes do mundo, envolvendo mais de 6 mil pacientes com diabetes tipo 2.
A linagliptina é um inibidor de DPP-4, classe de medicamentos considerada "inteligente", pois só age conforme a quantidade de glicose na circulação - evitando assim o inconveniente das hipoglicemias (níveis de açúcar no sangue abaixo do normal).        

O produto apresenta eficácia ao reduzir a hemoglobina glicada (parâmetro de controle da glicose no sangue) e ao ajudar a controlar o diabetes, com pouca chance de causar ganho de peso, náuseas e outros incômodos gastrintestinais, comuns com outras classes de medicamentos para tratar o diabetes.

DIFERENCIAIS

Trayenta é diferente dos demais inibidores de DPP-4 devido a sua principal via de eliminação do organismo e posologia. A linagliptina é o único inibidor de DPP-4 que não necessita de ajuste de dose em qualquer grau de problemas renais ou hepáticos, sendo eliminada pela bile e pelo intestino, não sobrecarregando os rins, órgãos fundamentais e que, especialmente nos pacientes diabéticos, devem ser poupados ao máximo por serem alvo de muitas complicações. Exemplo disso é que até 1 em cada 2 pacientes já apresenta algum grau de comprometimento renal.
Trayenta (linagliptina) age no organismo impedindo a degradação do hormônio GLP-1, que estimula o pâncreas a produzir insulina apenas quando o paciente ingere alimentos, momento em que aumentam os níveis de glicose no sangue. Por estimular o organismo a produzir insulina de maneira natural, com seus próprios recursos, a linagliptina é bem tolerada pelos pacientes.
O tratamento é feito com um comprimido para ser tomado apenas uma vez ao dia, não necessitando de ajuste de dose, mesmo em pacientes com algum grau de comprometimento dos rins ou do fígado. Essa comodidade posológica representa uma evolução no que se refere ao tratamento do Diabetes tipo 2. Para mais informações, ligue 0800-7016633, de segunda a sexta-feira das 08h às 17h ou envie email para sac@sao.boehringer-ingelheim.com    

Fonte: JeffreyGroup