quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Anti-inflamatórios


A inflamação é uma reação ocasionada devido a uma lesão em algum tecido do corpo, normalmente dos vasos sanguíneos. Após a lesão tecidual ocorre um grande acúmulo de fluidos e células de defesa (leucócitos, mastócitos, monócitos, entre outras) com um único objetivo, o de destruir, diluir e isolar os agentes lesivos. Estão envolvidas nesse processo a parede vascular, células do vaso sanguíneo (inflamatórias), mastócitos, fibroblastos e macrófagos residentes no tecido conjuntivo, proteoglicanas, fibras colágenas e elásticas e membrana basal. As alterações inflamatórias se dão por mediadores químicos.

Os anti-inflamatórios são os medicamentos utilizados para combater o processo inflamatório. É uma classe de medicamento muito utilizada pela população em geral, sendo muito comum a automedicação. Os anti-inflamatórios mais prescritos na atualidade são os anti-inflamatórios não esteroidais (AINES) e os anti-inflamatórios esteroidais (corticoides).

Os AINES possuem como mecanismo de ação a inibição de uma enzima chamada ciclooxigenase (COX) que produz outra chamada prostaglandina. São essas as substâncias responsáveis pela inflamação e dor. São representantes dos AINES, mais utilizados pela população: ácido acetilsalicílico; diclofenaco (sódio e potássio); Ibuprofeno; Naproxeno; Indometacina; Cetoprofeno; Acido mefenâmico; Piroxican; entre outros. 

Os anti-inflamatórios corticoides são muito utilizados na prática médica. Existem dois tipos de hormônios corticoides os mineralocorticoides e os glicocorticoides. Sendo que esse último (glicocorticoides) é que tem ação anti-inflamatória. Os efeitos anti-inflamatórios dos glicocorticoides são produzidos através de dois mecanismos: redução da produção de mediadores e células inflamatórias e produção de mediadores anti-inflamatórios. Os mediadores inflamatórios suprimidos são: histamina, citocinas a partir de macrófagos impedindo a replicação de linfócitos T. Diminuem o acúmulo de células inflamatórias (leucócitos, monócitos) ocorre redução de espécies ativas de oxigênio pelos macrófagos e neutrófilos. Inibem a resposta de acúmulo de macrófagos. O mediador anti-inflamatório produzido é a lipocortina, a qual inibe a fosfolipase A2.   
      

Fonte: Portal Educação