segunda-feira, 29 de julho de 2013

Secukinumab da Novartis superior ao Enbrel® da Amgen em doentes com psoríase

A Novartis anunciou que, num ensaio head-to-head de Fase III, o seu fármaco experimental secukinumab revelou superioridade na limpeza da pele em comparação com o Enbrel® (etanercept) da Amgen em doentes com psoríase em placas moderada a grave. A companhia referiu que os pedidos regulamentares para o secukinumab, também conhecido como AIN457, deverão ser apresentados antes do final de 2013, avança o site FirstWord.

O ensaio FIXTURE, que selecionou aleatoriamente 1307 doentes com psoríase em placas moderada a grave, foi concebido para demonstrar a eficácia depois de 12 semanas de tratamento com secukinumab subcutâneo, em comparação com placebo e Enbrel®, e para avaliar a segurança, tolerabilidade e eficácia a longo prazo até 52 semanas. A Novartis disse que os resultados preliminares mostraram que o estudo atingiu todos os seus objetivos primários e secundários.

Além disso, os dados mostraram que o perfil de segurança do secukinumab foi consistente com os resultados dos ensaios de Fase II do tratamento para a psoríase em placas moderada a grave e nenhum problema de segurança adicional foi identificado. A Novartis indicou que os resultados completos do estudo FIXTURE serão apresentados numa reunião médica no final deste ano.

De acordo com a Novartis, os resultados são os primeiros dados de Fase III para um medicamento que visa seletivamente a IL-17A. A farmacêutica referiu que os resultados do estágio final para o secukinumab em condições artríticas, como a artrite psoriática, espondilite anquilosante e artrite reumatóide, são esperados em 2014, enquanto os estudos de Fase II do composto estão em andamento noutras indicações, incluindo esclerose múltipla.

Fonte: RCM