domingo, 12 de janeiro de 2014

França aprova a venda de medicamento derivado da maconha: Sativex

As autoridades médicas francesas autorizaram o lançamento comercial de um medicamento derivado da maconha e indicado para o alívio de espasmos musculares causados pela esclerose múltipla.

Essa autorização é uma etapa prévia à comercialização do produto, que será realizada por iniciativa do laboratório farmacêutico.

O Sativex, um spray bucal do laboratório britânico GW Pharmaceuticals, deve ser comercializado na França por outro laboratório, Almirall.

Em outubro, representantes do Almirall disseram que esperavam poder comercializar o spray em 2015, "no melhor cenário". O produto já está disponível em outros países europeus, como Alemanha e Grã-Bretanha.

O Sativex será usado "por pacientes que sofrem de esclerose múltipla para aliviar as contraturas severas resistentes a outros tratamentos", segundo o ministério francês de Saúde. O tratamento deverá ter prescrição médica.

Na França, um derivado da Cannabis obtido por síntese, o Dronabinol, pode ser receitado há vários anos para dores crônicas relacionadas a doenças para as quais não há tratamento adequado.

Um número crescente de países vem afrouxando o controle sobre a venda de produtos à base de maconha para uso medicinal. Nesta semana, o governador de Nova York, Andrew Cuomo, autorizou o uso da maconha medicinal no Estado como parte de um programa-piloto de legalização da droga.

Fonte: Folha de S.Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário