quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Cientistas chilenos criam teste que assegura diagnóstico precoce de Alzheimer e esquizofrenia

Os investigadores do Instituto de Neurociência Biomédica do Chile concluíram que é possível detectar as duas patologias através da análise dos movimentos oculares e da atividade cerebral.

“Nas nossas pesquisas, descobrimos que os movimentos oculares naturais e o seu reflexo correspondente nos sinais cerebrais são diferentes nos pacientes estudados e, por isso, importantes biomarcadores para estas doenças”, explicou Pedro Maldonado, que lidera a investigação.

No caso da esquizofrenia, a pesquisa conseguiu determinar que, nos pacientes afetados, houve uma redução da exploração espacial, o que quer dizer que não olhavam todos os lados de uma cena visual.

Já para a doença de Alzheimer, foi detectada “uma notória diferença dos sinais elétricos que ocorriam no cérebro quando era produzido movimento nos olhos, em comparação com as pessoas saudáveis”.

Com esses indicadores, os cientistas esperam desenvolver um teste específico que permita o diagnóstico precoce das duas doenças.

Com informações da Agência EFE e Dikajob



Nenhum comentário:

Postar um comentário