sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

As 5 melhores invenções da saúde de 2015

A TIME divulgou a lista anual das 25 melhores invenções de 2015, onde cada criação é analisada com base em sua influência positiva no mundo, de maneira inteligente ou puramente divertida. Dentre as invenções, 5 são dispositivos da área de saúde. Confira os dispositivos inovadores:

 1. SensorLabs’ Nima
O dispositivo é voltado para pessoas com intolerância à glúten ou com doença celíaca. A funcionalidade do dispositivo é simples: Basta retirar uma amostra do alimento ou
bebida que deseja-se testar e colocar na cápsula removível do Nima e inseri-la novamente no produto. Se o aparelho identificar algum nível de presença de glúten na amostra, um rosto triste aparecerá na tela do Nima. Se não for detectado glúten na amostra pelo equipamento, um rosto feliz aparece, demonstrando que os níveis de glúten estão abaixo dos considerados como gluten-free.

 2. Doppler Labs Here Active Listening Earbuds

Imagine se você conseguisse controlar os sons ao seu redor, isolando alguns ou até mesmo deixando no modo mudo? O Here Active Listening system promete fornecer à seus usuários justamente isso. Ideal para quem necessita de aparelhos auriculares para aumentar o volume e frequência, mas também é adequado para aqueles que desejam regular a intensidade dos sons. O processador Here sincroniza com um aplicativo do smartphone para que o usuário escolha quais frequências deseja filtrar.

3. Eko Core

Este adaptador, quando conectado a um estetoscópio, envia os dados das batidas do coração para a nuvem (cloud) e, desta forma, os médicos podem fazer download destes dados em seus smartphones. O próprio app da companhia avalia o áudio e o compara as gravações prévias e informa ao profissional se existem anormalidades entre os áudios que os ouvidos não possam identificar. O dispositivo ainda está em fase de testes, mas futuramente pode se tornar um aliado importante na redução de gastos dos procedimentos caros, como ecocardiogramas.

4. Juno

Um dia inteiro pode ser perdido para se comparar linhagens de DNA, através das milhões de cópias que devem ser feitas. O dispositivo Juno reduz esse processo para apenas 3 horas, o que permite que os cientistas se concentrem em análises de combinações de doadores de medula óssea, encontrar a cura para doenças genéticas e outros. Os criadores, Fluidigm, projetaram um dispositivo que possui um chip patenteado que consegue amplificar amostras que amplificam amostras mil vezes menores que uma gota de água.

5. Sproutling

Imagine poder saber se está tudo bem com um bebê sem ter que checá-lo constantemente? Sim, agora é possível. Com uma faixa equipada com um sensor inteligente que pode ser colocada no joelho do bebê, é possível medir a frequência cardíaca, a temperatura corporal, movimentos e posição. O produto envia notificação para os pais através de um app, caso haja alguma irregularidade. Assim que aprende os hábitos da criança, o Sproutling pode fazer outras predições, como por exemplo, quando ela despertará de um cochilo.

Com informações da TIME, MedCityNews e Saúde Business


Nenhum comentário:

Postar um comentário