terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Fungos

Os fungos são microrganismos presentes no solo, na água, nos vegetais, no ar e em detritos em geral. Diferente das bactérias, os fungos são eucarióticos (apresentam núcleo delimitado), heterotróficos (porque não são capazes de produzir seu próprio alimento) e possuem parede celular. Quando apresentam um só núcleo recebem o nome de leveduras e quando apresentam vários são chamados fungos filamentosos; sua morfologia pode variar dependendo das condições nutricionais e da temperatura ambiente. A maioria dos fungos não é patogênica para o homem, embora todos tenham potencial para invasão. Clinicamente os fungos se classificam em patogênicos e oportunistas. Os primeiros comumente causam infecções, já os segundos raramente, a menos que as defesas do hospedeiro estejam diminuídas.

Infecções Fúngicas 

Nos últimos vinte anos, a frequência das infecções fúngicas têm crescido drasticamente no mundo. O aumento do número de casos está relacionado ao uso indiscriminado de antibióticos de largo espectro, ao uso crônico de corticoides e ao envelhecimento da população. 

Pessoas muito idosas apresentam queda na resistência imunológica, fator importante para o desenvolvimento de infecções causadas por fungos, microrganismos naturalmente presentes em nosso corpo, que manifestam doenças quando o sistema imunológico está debilitado; assim, portadores do vírus HIV e indivíduos que passam por quimioterapia também têm maior propensão a desenvolver doenças como candidíase e aspergilose, infecções fúngicas com maior incidência na população. 

No ambiente hospitalar, essas infecções estão muito relacionadas aos procedimentos invasivos como os que ocorrem nas cirurgias e no uso de cateteres. Além disso, a proliferação dos fungos e leveduras está relacionada ao ambiente e à temperatura em que se encontram. 

No verão, quando as temperaturas são mais elevadas, as pessoas tomam banhos de piscina e de mar para se refrescarem e permanecem com roupas úmidas por longos períodos, sem saber, estão propiciando o ambiente adequado para o desenvolvimento das micoses.


Nenhum comentário:

Postar um comentário