segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Revisão sistemática da Cochrane: Não está claro se terapias mente-corpo melhoram os sintomas da fibromialgia mais que as medicações

As pessoas com fibromialgia podem ter dor crônica generalizada no corpo, cansaço, rigidez muscular, depressão e problemas de sono. 

As terapias conhecidas como "mente-corpo" tentam estabelecer uma ligação entre os pensamentos, comportamentos e sentimentos das pessoas para ajudá-las a lidar com os seus sintomas. 

No caso da fibromialgia, elas incluem o “biofeedback”, a “mindfulness”, as terapias de movimento, a terapia psicológica e as terapias de relaxamento. 

Uma revisão sistemática da Cochrane avaliou 61 estudos com mais de 4 mil adultos com fibromialgia para ver se esses tipos de terapias podem mesmo ajudar as pessoas com fibromialgia. 

A revisão desses estudos concluiu que nenhuma dessas modalidades de tratamento mostrou qualquer efeito sobre os sintomas da doença, exceto as terapias psicológicas, que melhoraram levemente os sintomas da fibromialgia: mas elas conseguiram reduzir em somente 2% a 3% o desempenho físico, a dor e o humor das pessoas. 

E muita gente acabou abandonando o tratamento psicológico. Portanto, os pacientes com fibromialgia não devem abandonar seu tratamento padrão com medicamentos para usar somente essas terapias; isso pode ser um mau negócio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário