quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Qual o papel dos macrófagos na cura das feridas?



👉 Limpeza de detritos: Nos primeiros estágios da cura das feridas, os macrófagos fagocitam os detritos celulares e ajudam os neutrófilos a limpar a área.

👉 Recrutamento de outras células: Os macrófagos recrutam outras células e são essenciais para a entrada dos fibroblastos e dos angioblastos na ferida.

👉 Estimulação na produção de matriz: Os macrófagos são potentes fontes de fatores de crescimento e interleucinas que estimulam fibroblastos e angioblastos a produzir matriz extracelular.

👉 Remodelamento de cicatriz: Os macrófagos secretam colagenases, estromatólise e outras enzimas líticas que degradam o colágeno e componentes da matriz, reestruturando, assim, toda a área. Ao mesmo tempo, os macrófagos, como os fibroblastos, secretam inibidores teciduais de metaloproteinases (ITMPs) que contrabalançam a ação das enzimas líticas, de modo que o remodelamento da cicatriz prossegue de maneira regulada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário